Horário
Directo:
• 19h00 às 20h00, de Segunda a Sexta-feira

Repetições:
• 06h00, 07h00, 12h00 e 02:15 de Segunda a Sexta-feira
• 06h00, aos Sábados e Domingos
Mais comentados
Segunda-feira, 12 de Julho de 2010
3ª FEIRA - TEMA: "Esclerose Múltipla e o Emprego"

 

 

No próximo Mundo das Mulheres vamos falar sobre EM.

A Esclerose Múltipla (EM) é uma das doenças mais comuns do sistema nervoso central e atinge pessoas de todas as idades.

 

 

Mais de metade dos doentes com Esclerose Múltipla (EM) deixou de trabalhar devido à doença, revela um estudo promovido pela Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla - SPEM.

De acordo com a pesquisa, a grande maioria dos cidadãos com EM foi despedido ou forçado a reformar-se antecipadamente.

www.spem.org

 

Não perca ainda as rubricas, BoConcept e Grande Plano.

Continuamos a ter, especialmente para si, o passatempo Vá Viagens. Desta feita, habilite-se a ganhar uma viagem com duas noites incluídas, para duas pessoas, no Hotel Vila Galé Lagos, no Algarve, onde poderá também usufruir da Programa Spa Romeu e Julieta.

Pode concorrer até dia 16 de Julho.  A vencedora será revelada no dia 19.

 

www.vaviagens.com

 

 

Já sabe que a viagem ao nosso Mundo tem sempre hora marcada às 19:00.O canal esse, é o do costume, a Sic Mulher claro!

 

Também pode visitar a nossa página no Facebook.



publicado por Mundo das Mulheres às 17:00
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

13 comentários:
De Inês a 13 de Julho de 2010 às 10:39
Olá, gostaria de saber qual é a pergunta para o passatempo do Vila Galé Lagos...obrigada


De Mundo das Mulheres a 13 de Julho de 2010 às 12:47
Olá, Inês!

Fique atenta ao programa de hoje, e até ao fim da semana, pois vamos repetir a pergunta, ok?

Bjinho e boa sorte
Adelaide


De Miguel Abreu a 13 de Julho de 2010 às 17:07
Gostaria que perguntassem à vossa convidada porque quase nenhuma sociedade de Esclerose Múltipla por esse mundo fora dá importância ao tratamento da CCSVI (Chronic cerebrospinal venous insufficiency), embora haja resultados imediatos e comprovados. Eu, que saiba, fui o primeiro a ser tratado aqui em Portugal e com uma "simples" angioplastia melhorei imenso a minha qualidade de vida.
http://en.wikipedia.org/wiki/Chronic_cerebrospinal_venous_insufficiency
http://www.facebook.com/group.php?gid=96637716430

Melhores cumprimentos


De Cristina Martins a 13 de Julho de 2010 às 19:14
Olá boa tarde. Estou a ver o v. programa e sinto muitas vezes os sintomas que a Drª tem focado acrescido muitas vezes de um imenso cansaço físico e mental, dormencia nos braços e que oscila ma que muitas vezes me retira capacidade de trabalho. O médico de familia não valoriza assim como a familia mas qual a especialidade que nos pode ajudar? Existe algum serviço que possa acompanhar ou analisar o paciente no Serviço Nacional de Saúde. Tenho 43 anos.


De SPEM - Soc. Port. Esclerose Múltipla a 21 de Julho de 2010 às 10:15
Cristina,
Os sintomas da esclerose múltipla são muitas vezes desvalorizados por se assemelharem a outras condições, nomeadamente a nível psicológico, como a depressão e baixa de auto-estima. É preciso ter também em conta que a fadiga extrema, desequilíbrios, cansaço mental, perda de força nos membros, problemas na visão, podem ser sintomas de muitas outras patologias. É necessário um despiste cuidadoso por quem sabe, para se avaliar correctamente a pessoa.
O procedimento normal é o encaminhamento do médico de família para o especialista do SNS, que neste caso é o Neurologista num hospital público. Se no entanto não conseguir, aconselhamos que contacte uma das nossas Delegações ou mesmo a Sede, para a podermos ajudar.
Contactos:
Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla
Rua Zófimo Pedroso, 66
1950-291 LISBOA
Telefone: 218 650 480
www.spem.org


De Sonia Domingues a 13 de Julho de 2010 às 19:27
Boa tarde,

Chamo me Sonia tenho 28 anos e foi me diagnosticada a EM a cerca de um mes, ja iniciei os tratamentos mas ainda tenho bastantes duvidas. Por exemplo no que respeita a gravidez, posso ter filhos, a perigo da doença ser transmitida? E em relaçao a terapias alternativas como acunpultura, reiki e outras existem resultados que indiquem o seu uso?
Obrigada


De Sílvia Cunha a 14 de Julho de 2010 às 12:08
Bom dia, quanto ao programa de ontem que segui com atenção (a Dra. Ângela Valença é a minha médica, pois tenho EM diagnosticada há 14 anos), de facto as terapias alternativas não são a solução - não existe, é crónico - mas podem ajudar muito. Cada momento em que nos sentimos bem é uma vitória. E é o que importa. A quem tenha possibilidades económicas para recorrer e elas, aconselho vivamente. Porque, como diz o Neurologista dum amigo com EM "Não vai morrer DE EM mas vai certamente morrer COM EM. Tenho 50 anos, já estou reformada, estou na menopausa (o que complica uma coisas e descomplica outras) e sinceramente acho que a CURA está muito longe. Mas pode viver-se com aquilo que AINDA se tem, aceitando a doença e levando os dias como o físico e mente nos deixam. Ah, e tendo uma Neurologista que é também uma GRANDE AMIGA. Cumprimentos, Sílvia Cunha


De SPEM - Soc. Port. Esclerose Múltipla a 21 de Julho de 2010 às 10:35
Sónia,
Tal como foi mencionado no programa, não existe qualquer contraindicação para a mulher com esclerose múltipla ter filhos. A probabilidade genética de transmitir a doença é igual à de tantas outras, não tendo praticamente expressão.
Deverá se aconselhar com o seu médico e enfermeiro sobre todos os cuidados a ter com a medicação e prevenção de surtos que, após o parto, são mais prevalentes, tal como foi dito pela Drª Angela no programa.
Relativamente às terapias alternativas, os estudos são sempre de pequena dimensão e são normalmente considerados sem valor científico pela sua dimensão e não utilização de placebos.
Mas muitos doentes crónicos mencionam vantagens neste tipo de terapias, sobretudo no aumento de qualidade de vida. O que se aconselha é uma procura cuidadosa de soluções adaptadas ao seu caso individual. Tenha sempre o cuidado de seguir recomendações, cuidado com os preços e sobretudo com a avaliação dos resultados a atingir, quando se fala em curas de doenças crónicas.


De JoséDuarte a 13 de Julho de 2010 às 19:29
Actualmente "existem" muitas "terapias inovadoras" para doenças que actualmente são objecto de legislação especial e designadas como degenerativas. As Juntas Médicas, quer de baixas quer de reformas, adoram estas "soluções". Imagina-se porquê! Pressionados pelas tutelas e com desígnios economicistas ou levantam a baixa ou não dão a reforma. Mas estas "terapias" pouco o nada funcionam. Talvez um dia ... tenho a certeza! Mas por enquanto não!


De Anónimo a 13 de Julho de 2010 às 19:49
tenho frequentemente sintomas que se assemelham à EM mas o diagnóstico médico neste momento aponta para
atrite psoriatica.
Acha que o diagnóstico é de alguma forma parecido que possa ser confundido ?


De Mundo das Mulheres a 13 de Julho de 2010 às 23:34
Olá!

Obrigada pela questão/comentário. Vamos reencaminhar para a dra. Ângela...

Adelaide


De Carla a 14 de Julho de 2010 às 00:33
Obrigada, ajudaria imenso !


De SPEM - Soc. Port. Esclerose Múltipla a 21 de Julho de 2010 às 10:24
Existem várias patologias que têm sintomas semelhantes, no entanto a atrite psoriática e a esclerose múltipla apresentam muitas diferenças.
Pelo que essa pergunta deverá ser respondida pelo médico que o assiste e, em caso de dúvida, poderá consultar uma segunda opinião.


Comentar post

Categorias
Comentários recentes
Olá, sou nova cá e gostaria de partilhar o meu blo...
Visitem e comentem: http://tudo-sobre-a-tv.blogs.s...
Olá eu sua a Rita, tenho 15 anos e os meus pais na...
Olá!Gostaria de compartilhar com você este lindo p...
Agora para ver se aparece o clicável... http://www...
Arquivo

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Ligações
Pesquisar blog
 
Perfil