Horário
Directo:
• 19h00 às 20h00, de Segunda a Sexta-feira

Repetições:
• 06h00, 07h00, 12h00 e 02:15 de Segunda a Sexta-feira
• 06h00, aos Sábados e Domingos
Mais comentados
Quinta-feira, 27 de Maio de 2010
TEMA: O Tabaco e a Mulher

 

 

Data: 28 de Maio 2010

 

Na próxima segunda-feira  (dia 31 de Maio) comemora-se  o Dia Mundial Sem Tabaco e este ano a data direcciona a atenção para as mulheres, com o objectivo de protegê-las das estratégias de marketing da indústria do tabaco, que visam aumentar a comercialização de seus produtos entre o sexo feminino

 

No programa de hoje vamos, por isso, falar sobre o tabagismo e os seus malefícios, bem como ajudar as fumadoras e  fumadores que queiram deixar de fumar a encontrar formas de concretizarem esse objectivo.

 

Connosco estará Sofia Ravara - que representa a Linha SOS - Deixar de Fumar e  o Instituto Nacional de Cardiologia Preventiva - e Luís Rebelo -  Presidente da Confederação Portuguesa contra o Tabagismo.

 

 

Não perca ainda as dicas de cinema, com  Rui Pedro Tendinha e a apresentação do evento “Mulheres de Corpo e Alma”, que se realiza já este sábado.



publicado por Mundo das Mulheres às 18:18
link do post | comentar | adicionar aos favoritos

2 comentários:
De brincandocomascores a 28 de Maio de 2010 às 19:36
Boa tarde,

Gosto muito do v/ programa, os meus parabens!

A resposta ao passatempo: o nome da marca do prefume é jacome.

Tudo de bom
Rosa Branca


De VC a 28 de Maio de 2010 às 20:00
Comecei a fumar aos 15 anos de idade, neste momento tenho 33. O primeiro cigarro que fumei adorei, e isso levou-me a continuar. Não fumava por vaidade, mas sim por adorar. Mas, sempre disse "um dia que engravidar deixo de fumar", e assim foi. Quando soube que estava grávida deixei logo de fumar, consegui fazê-lo porque tinha um motivo: um ser dentro de mim, o meu filho que amo acima de tudo. Sei que não é aconselhável deixar-se repentinamente quando se está grávida, mas eu já nem pensava no tabaco. Há 3 anos que não fumo, nem nunca tentei, e por incrível que pareça nunca tive vontade. Fiquei mais gorda, mas como estava grávida tinha "desculpa". Passados 3 anos sinto-me com mais energia, o meu hálito está óptimo e já não ando dois minutos e tenho "o coração a sair da boca". Por ter deixado de fumar, não quer dizer que não compreenda quem fume e quem diz que não consegue deixar de fumar, porque eu tentei várias vezes e não consegui. Conclui: ou se tem muita força de vontade ou tem de haver uma razão muito forte para que se possa deixar o vício. Uma coisa é certa não tenho ideia de voltar a fumar, mas não sei o dia de amanhã. O meu marido é fumador e nunca lhe disse para deixar de fumar, porque considero que tem de ser ele a querer fazê-lo.


Comentar post

Categorias
Comentários recentes
Olá, sou nova cá e gostaria de partilhar o meu blo...
Visitem e comentem: http://tudo-sobre-a-tv.blogs.s...
Olá eu sua a Rita, tenho 15 anos e os meus pais na...
Olá!Gostaria de compartilhar com você este lindo p...
Agora para ver se aparece o clicável... http://www...
Arquivo

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Ligações
Pesquisar blog
 
Perfil